O que é código BISAC?

18 de novembro de 2015 Journal

Quem trabalha com publicações digitais certamente já se deparou com o código BISAC na hora de cadastrar os metadados dos produtos para venda. Ao jogar no Google, não encontrei nada sobre o assunto, o que me inspirou a escrever este post, depois de ler várias referências em inglês.
O código BISAC é uma padronização numérica ou uma lista de códigos para definir categorias de livros. Foi criado pela BISG (Book industry study group) e divide os estilo de publicação em diversas categorias. Ao cadastrar os metadados do livro ou revista, você pode vincular mais um código que o defina, por exemplo: uma biografia de banda de rock pode ser considerada como “uma biografia de músicos e compositores” (BIO004000 – BIOGRAPHY & AUTOBIOGRAPHY / Composers & Musicians ) e como um livro sobre o gênero rock (MUS035000 – MUSIC / Genres & Styles / Rock). Quanto mais específico ficar a categorização do seu livro, melhor será na hora das buscas no site/ plataforma de vendas que você escolheu para venda das suas publicações.

TERMOS RELACIONADOS AO CÓDIGO BISAC

Todos estes termos estão em inglês, pois não temos equivalentes usados em português. A tradução que fiz foi livre e você pode ver o original clicando aqui.

Code (código) – Refere-se ao conjunto de 9 caracteres ligado à lista de assuntos. O código é iniciado com três caracteres alpha que são geralmente mnemônicos (por exemplo, “HIS” é usado para assuntos relacionados à “History”) e é continuado por um conjunto de 6 caracteres numéricos.

Heading (cabeçalho) – A descrição, em inglês, ligada a cada código ou o assunto descrito. Essa descrição é construída em duas, três ou quatro partes (níveis) separadas por barras (/)
Um cabeçalho de duas partes consiste no nome da seção (ex. HISTORY) e um subtítulo presente em grande parte da publicação, como “Medieval”. O termo será lido como “HISTORY/ Medievel”. Muitos cabeçalhos consistem em dois níveis, mas, para maior detalhamento em alguns assuntos, um terceiro nível foi adicionado. Um exemplo deste termo é “HISTORY/ Military/ Vietnam War”. Ocasionalmente, quatro níveis são usados, como em “HISTORY/ Africa/ South/ Republic of South Africa”.

Descriptor (descritivo) – sinônimo para heading (cabeçalho), descrito acima.

Literal (literal) – sinônimo para heading (cabeçalho), descrito acima.

Term (termo) – sinônimo para heading (cabeçalho), descrito acima.

Value (valor) – sinônimo para heading (cabeçalho), descrito acima.

Tree (árvore) – refere-se a um grupo de cabeçalhos com primeiro e segundos níveis em comum. Por exemplo, “GARDENING / Flowers” são os primeiros níveis em uma árvore que contém cabeçalhos para outros assuntos, como tipos de flores (Roses, Orchideas). O primeiro assunto em uma árvore, em geral, sempre termina com “General” (ex. “GARDENING / Flowers / General”) seguido por outros com assuntos mais específicos.

Branch (galho/ ramo) – refere-se a um terceiro nível distinto que pertence a uma árvore, como o definido acima (“Roses” é o galho).

ONDE ENCONTRAR A LISTA COMPLETA DO CÓDIGO BISAC

A lista completa de códigos e cabeçalhos pode ser acessada neste link: Complete heading list.